terça-feira, 14 de dezembro de 2010

olá !

Bem pois, eu cresci como todos esperavam, aprendi coisas novas, ainda estou a tentar compreender muitas mas as que ja sei vou tentar fazer de exemplo .
Sim eu vou começar mais um daqueles textos dramaticos, e desculpem se for enorme, mas não consigo evitá-lo. O 7º. ano, como tenho dito muitas vezes, não foi um sonho e nem mais um ano a alcançar, em alguns casos, porque perdi as pessoas que eu julgava serem as mais importantes e ainda são. E como todos sabem, tudo muda e nada é um "felizes para sempre", e é isso que aconteceu, por mais que eu lamente muito e fique só a queixar-me.
A grande certeza que tenho é que sim, eu sinto mesmo muito a vossa falta, por mais situações e discussões que ás vezes tinhamos por assuntos parvos, por mais que nos tratassemos mal uns aos outros muitas vezes, por mais que nem sempre a turma estava toda junta, porque era divida em grupinhos, durante os intervalos, mesmo tudo o que pode ter corrido mal em alguns dias, eu sinto a falta disso tudo. Eramos uma turma unida, por todos os outros, mesmo sendo gozados, eramos um exemplo e a melhor turma da escola. Mesmo nós com os nossos altos e baixos quase acabando o ano, nós eramos nós. Sim, crescemos todos, estamos todos diferentes, conhecemos pessoas novas, habituamo-nos a uma turma nova e a tudo o resto que se tem passado nestes dias, e nada vai voltar a ser como era, infelizmente.
Estou e acho que tal como voces, a sentir o que é ter muito mais peso nas costas, algumas ou mais discussões, estamos a falar uns nas costas dos outros, muitas vezes gozar, e isso não está certo. Não tenho moral nenhuma para o dizer, porque tambem faço isso muitas vezes. Gozo-vos, fala nas vossas costas, mas depois, acontece uma coisa estranha. Eu olho para voces de longe e lembro-me do quanto era agradável e valioso o tempo com voces. Tudo era simples, as brincadeiras e as coisas feitas em conjunto eram especiais. Mas agora não, tudo mudou, nada é igual, nada passa de um mero dia, meras aulas, meros olá's e adeus, meros intervalos, meros beijinhos e "estas boa?", meros acontecimentos, que antes eram um tudo no dia a dia, que valia apena. é isso turma, continuo a sentir a falta de cada um, das professoras e professores, das nossas aulas, dos nossos intervalos, das nossas brincadeiras e muitos momentos a partilhar uns com os outros. Enfim, o que fica é a saudade mas com muito amor.

sábado, 13 de novembro de 2010

MELHORES !

MELHORES!
Bem, uma destas noites, acreditem ou não, quase que começava a chorar e antes de ir dormir, chorei com a joana cavalheiro, a lembrar-me de voces e enfim, nós somos e não vamos deixar de ser umas das mais lamechas e choronas do grupo. É verdade, sinto muito a vossa falta, nunca pensei, a sério, nunca se quer imaginei que uma turma de um ano que vai ficar marcado na minha vida, que no 6º ano eu iria encotrar pessoas tão especiais, pessoas que estavam ao meu lado para tudo e com quem eu tinha aquela telepatia inacreditavel de se ver a olho nu.
Mas a vida, tanto é injusta como justa, tanto tem dos seus erros como das suas maiores surpresas e verdades, e voces fazem parte dessa minha rotina diária, uma surpresa e ao mesmo tempo um presente maior do que o que eu esperaria, um presente que quero guardar bem dentro do pensamento, do coração e continuar a vive-lo com voces.
Afastámo-nos, cada parte da turma para um lado e nada será a mesma coisa. Só é bom ver-vos de vez em quando e acho que um dia destes ou ate mesmo no próximo dia vou vos abraçar com tanta força, como se nada mais existisse. Eu sinto muitas saudades de T-U-D-O! Parecia aquela menina que se demonstra muito fechada e sem sentimentos, mas voces descubriram-me e fizeram-me acreditar em mim e mostrei-me completamente cheia de emoções, porque amigos são pessoas que continuam connosco para o resto das nossas vidas, estejamos distantes ou não, e sei que AMIGOS é a palavra que diz tudo no 6º E. Quero-vos comigo para o resto da minha vida, e aconteça o que acontecer, quero ser uma aluna relembrada numa das histórias da professora de Professora Isabel ou da Professora Ana Paula e dos outros professores. E acima de qualquer coisa, eu quero todos voces ao meu lado. Cresçamos, aprendamos e continuemos amigos, porque quero crescer e voltar a sentir o mesmo sentimento por todos voces, amigos e professoras\es. obrigada por tudo o quanto nos ensinámos, não só do que faz parte para termos um futuro, mas também tudo o que partilharam connosco sobre a vida, para que possamos seguir esse exemplo, professoras. Eu amo o 6ºE como amo a vida e não quero que ninguém se afaste, e aconteça o que acontecer, enha o que vier, estou com voces, sempre por perto, só vos quero ter comigo e crescer ao vosso lado para que possa contar a muitas pessoas que amigos que me marcaram e uma turma que ficou na história, foram voces, o 6º E.

terça-feira, 9 de novembro de 2010

6ºE :'

6ºE , temos de fazer um jantar ou almoço de natal :D

As saudades já apertam, é tão difícil não ter a melhor turma de sempre por perto :x Não me arrendo por cada lágrima que chorei por vocês, cada segredo que vos contei, cada palavra que vos disse, cada momento que passamos, dias e dias inteiros com vocês, nunca fui tão feliz como fui com vocês,  vocês continuam a ser a minha turma,a minha turma de sempre, com quem eu sei que posso sempre contar, que vos posso sempre chamar, porque voces sim, continuam a ser a minha vida, é tão  injusto terem-nos separado :x

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Lá se avista mais um ano de conquistas,alegrias,lágrimas,novas amizades e de muito mais mas sei que NADA será igual ao nosso 6ºE.Esta era (É)"A TURMA" e isso eu nunca vou esquecer.De uns mais,de outros menos mas sinto saudades de todos,até mesmo daqueles com quem não convivia nada,ou quase nada.Hoje olho para o que aí vem e sinto saudade do que passou,do que INFELIZMENTE já passou.Por milhões de razões esta era (É) "A MELHOR TURMA DO MUNDO":
  • Porque quando nos zangávamos acabava tudo por ficar bem;
  • Porque éramos (SOMOS) todos unidos num só;
  • Porque éramos (SOMOS) verdadeiros amigos (apesar dalguns desacatos);
  • Mas sobretudo porque éramos (SOMOS) "UMA VERDADEIRA TURMA".
Bjs
Rita Sofia :P

sábado, 21 de agosto de 2010

DEPOIS DE MUITO, CONSEGUI DESCOBRI-LAS!

AINDA SE LEMBRAM DESTE DIA ?
Bem turma, espero que nunca se esqueçam, deste e de todos os outros dias, que por mais que reclamássemos que estávamos fartos de tanta escola, quando discutíamos, mas depois tudo acabava bem, porque isso tudo teve um grande objectivo : tornar-nos nos amigos unidos que somos ! Eu sinto muita falta de todos mesmo, tudo tudo e tudo, fez-me feliz e crescer, porque estava com vocês e agradeço muito por tudo.
Ainda hoje me saíram lágrimas dos olhos, ao ver estas fotos... Lágrimas de uma saudade horrivelmente forte mas feliz, porque valeu a pena ter vivido tanto !
Amo-VOS Para Sempre 6ºE !


















































































































































domingo, 1 de agosto de 2010

Porque é para vocês pessoal, aqui vai:

Já passaram quase 2 meses desde que acabaram as aulas,e que me despedi da turma e de todos.Lembro-me desse dia como se fosse hoje,e lembro-me também como era bom,tão bom voltar,voltar a ver-vos a todos.Mas hoje,hoje li os textos escritos por alguns elementos dela,vi as fotos e os vídeos e as lágrimas escorreram-me pelos olhos.Estes são amigos para a vida,e isso não vai mudar NUNCA!As saudades são muitas,muitas mesmo.Dos amigos e professores especialmente da professora Isabel Preto, que para mim foi e é como uma 2ª mãe.Esteve lá quando precisámos,deu-nos carinho,foi muito mais de que uma simples professora...foi alguém preciosíssimo,com um coração de ouro e que nos deu tudo o que podia dar.Se houvesse maneira de voltar atrás,acreditem que o faria,sem sombra de dúvida.Mas não há, e temos de enfrentar a realidade tal como ela é.Sabíamos que este dia tinha de chegar,nalguma altura tinha de ser.Tinha de ser já?Tinha.E o que podíamos nós fazer?Nada.Acreditem que pela vida fora isto vai acontecer de novo,outra e outra vez,vão ter de deixar para trás as pessoas que mais amam.Por isso digo-vos e isto que é algo que devem fazer agora e sempre:Tentem não sofrer tanto nos momentos mais difíceis,deixem que o tempo vos leve pela vida fora,porque pode doer agora,mas mais tarde doerá menos ou talvez até não doa nada se a ferida sarar.

Com um grande beijinho para todos,todos mesmo:amigos,professores...e também com muitas lágrimas:
Rita Sofia 6ºE.

quarta-feira, 7 de julho de 2010

A Poesia de Matilde!


Grilo, grilarim,
Tens um canto azul
Na noite de cetim!
Cigarra, cigarraia,
Tens um canto branco
No dia de cambraia!
Formiga, miga, miga,
Só tu cantas os nadas
Do silêncio do Sol,
Das estrelas caladas...

Deixa contar…
Era uma vez
O senhor Mar
Com uma onda…
Com muita onda…

E depois?
E depois…
Ondinha vai…
Ondinha vem…
Ondinha vai…
Ondinha vem…
E depois…

A menina adormeceu
Nos braços da sua Mãe…




Presente

A girafa deu
ao seu
marido
no dia
de Natal
um lenço
colorido
de seda natural.
Que alegria!
– disse o marido –
ponha a pata
nesta pata,
com um pescoço
tão comprido
você não podia
ter-me comprado
uma gravata.

Matilde Rosa Araújo

domingo, 4 de julho de 2010

OLÁ PESSOAL !

Bem, resolvi dar noticias, já que estou do outro lado do mar, numas fantásticas férias no Brasil !
O clima cá não deve estar tão bom como o dai, porque cá é inverno.
Mas não se surpreendam, porque faz mais calor do que frio. Já ando a quase três semanas, de um lado pro outro. Visitas, almoçar fora, passeios a pé, provar delicias pra engordar um pouco,
infelizmente. E olha que sem duvidas nenhuma, nestes dois meses, vou voltar muito mais cheinha, mas vou fazer de tudo pra não ficar tanto.
A serio turma, estou com tantas saudades vossas . Quase todos os dias estou com o pensamento em voçes e vêm-me lagrimas aos olhos. Sinto a falta de todos e tudo o que convivemos em turma, no 6º E . Todas as nossas brincadeiras, tudo o que ultrapassamos e rimos juntos !
Mas a nossa vida enquanto estudantes é horrivel, porque deixamos muita gente para trás.
Mas eu dou-vos a maior certeza que ja tive até aos dias de hoje : NUNCA vos irei esquecer, familia! Saudades das aulas da professora Isabel, do seu grande sorriso, daquele orgulho enorme em ensinar e daquele carinho e muitas vezes lição de moral que ela nos dava . é mesmo uma grande professora e qualquer turma que a tenha, tem a 2º melhor professora de toda aquela escola. Sim, a segunda. Porque a primeira todos nós (6º E) sabemos quem é . Como é óbvio , professora Ana Paula Filipe .Ela sim, ganha a todos. A NOSSA MÃE, a melhor directora de turma que há . Ela concerteza ficou marcada nas nossas vidas para sempre, e falo isto por mim e por todos. Uma pessoa incrivel, uma professora desejada e amada , com um orgulho e felicidade enorme por nos ajudar e ensinar para que cresçamos melhor. Que saudades !
Bem, era só isto que vos queria dizer e recordar um bocadinho e também para actualizar o nosso blog.
Beijos enormes e um grande Abraço !
Karen Pereira.

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Acabou ? NUNCA vai acabar !

Ontem, na escola, só se ouvia "Adeus", mas eu não disse nenhum, não pretendo deixar ninguém, sei que todos vão continuar comigo, sei que ninguém, mas mesmo ninguém me vai deixar, vão ter sempre algum contacto, nem que seja só no MSN.
Ontem foi só chorar, eu desisti de estar fechada na sala a ver os melhores a chorar e eu não puder mudar nada, saí.
"Difícil não é lutar por aquilo que se quer, e sim desistir daquilo que se mais ama.
Eu desisti. Mas não pense que foi por não ter coragem de lutar, e sim por não ter ais condições de sofrer" BM
Saí, mas não ajudou em nada, toda a escola estava a chorar, parece que sentia as paredes a dizer para não irmos, para ficarmos, para nada mudar, para o ano não acabar, para todos nós darmos as mãos e NUNCA mais as largarmos e ficar ali, até ao fim dos nossos dias, ver os meus melhores amigos a chorar só me fez sentir pior, só pensei " eu quero que eles não chorem e eu aqui a chorar que até parece que o mundo vai acabar, mas que moral vou ter para dizer para eles terem calma?", sim pensei a tarde toda isto. Pensa ainda mais que eu nunca mais ia entrar naquelas salas, pensava que nunca mais ia ter momentos como tive naquela escola, pensava que daqui a alguns minutos ia sair daquela escola e nunca mais entrar, demasiadas coisas para tão pouco tempo :s, quando a Belinha me disse “eu não quero ir para o parque, eu quero ficar na escola”, aí parecia que tinha voltado tudo atrás, que estávamos no inicio do 5ºano e que ninguém queria sair da escola porque todos a adoravam, aí sim, desatei a chorar, não aguentei mais, foi a gota de água para a minha tristeza profunda. Neste momento o que sinto é raiva,"porque é que tem de acabar agora? assim? mas porque? porque é temos de mudar de escola, de turma, de amigos, porque ?", a revolta agora transforma-se em lágrimas que escorrem dos meu olhos, hoje ao sair da escola e pensar que nunca mais lá vou entrar, pensei que tinha de ser forte, mas a mágua foi mais do que eu, tudo nestes últimos tempos tem sido mais forte do que eu, agora a unica coisa que quero é que tudo volte ao passado :x

Eu digo sem problemas nenhuns nunca, mas NUNCA mesmo vou esquecer a minha turma, os meus amigos, os meus professores, a minha escola e tudo o que nela aconteceu!


PEL, é para sempre (L)

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Último dia . Estes foram os melhores momentos.

6º E, HOJE E PARA SEMPRE!






















































































































































































































Tive de me libertar com alguém, e quis pôr no blog, para que todos vejam.

Como já me avisaram e disseram :" os mesmos amigos quase nunca são para sempre."
Mas eu não quero pensar assim, quero pensar positivamente e mesmo erguendo a cabeça e seguindo em frente, recordar de tudo passado para trás e deixar lágrimas escorrerem pelos meus olhos.
Foi o pior dia da minha vida. Abandoná-los? Nunca irá acontecer. Longe ou perto, eu estou com eles e eles são e serão sempre tudo pra mim. Ao lado de uma das pessoas mais importantes da minha vida, estava eu e ela, sentadas em cima da mesa, sem aceitar o que tinha de ser. Chorámos, gritámos, foram derramadas
lágrimas e mais lágrimas, durante mais de meia hora. Não me aguentei!
Comecei a pensar em tudo com eles e tive de me libertar, deitar essa dor para fora, foi horrível!!!
A Mariana, ao meu lado, a Ana Costa e a Claúdia à minha frente, sentadas em cima da mesa que estava à frente da minha...
E chorámos e chorámos, com dor e tristeza. Cada vez que eu pensava em tudo, mais chorava e me sentia triste. Juntei as pernas e deitei lá a cabeça. Cada vez que o fazia, as lágrimas aumentavam e o medo e o terror , vinham-me à cabeça. e falava para mim " não quero, isto não está a acontecer. Não consigo vê-los assim. Não quero sair daqui, não quero que tudo acabe!"
Essa tristeza, não parava de me vir ao pensamento. Deu o toque e tudo acabou. Foram 10 minutos para conseguir levantar-me daquela mesa e sair pela porta daquela sala, que nunca mais irei ver na minha vida. O que mais doeu, foi despedir-me da minha Directora de Turma, uma 2º mãe, que sempre esteve ao nosso lado, quando mais precisávamos de falar e de desabafar. Ela sim, é uma pessoa verdadeira, e deixá-la foi a pior coisa que tive de fazer. Separar-me dela dói e doeu. O que mais quero, é voltar a vê-la no futuro.
A tristeza maior por tantas lágrimas, foi pensar que muitos dos que me abraçavam e me tentavam acalmar, iam permanecer ali e eu tinha de os deixar. Não dá! Não consigo conformar-me!
Tudo vai acabar assim.... muitos vou deixar para trás, para o ano, tudo vai mudar.
Deixá-los naquele momento e pensar que vou ficar sem eles por algum tempo, e ficar sem outros, talvez, para sempre, custou e custa muito. Os dois últimos abraços da Sara Sofia, as suas lágrimas a sair pelos olhos, foi tudo horrível de ver. Mas eu não a queria largar,porque ela marcou-me muito. Amigona do coração, para sempre.
Enquanto me tentava aguentar e conter as lágrimas, tudo veio pra fora, quando a sair da secretaria, estava a professora de Português, Isabel Preto,a nossa 3º mãe.
Nesse momento, não, não dava mesmo para me aguentar, naquele último abraço, chorei e chorei e a dor vinha-me aos olhos. Eu sei que pela vida irei fazer novas amizades, irei ter outras companhias, mas nunca nunca, nunca, esses novos amigos e essas novas companhias e mudanças, irão ser tão fortes como as que vivi com todos eles! A mim custa-me muito deixá-los assim.. com a incerteza de ter alguns da mesma forma para o ano, e o medo, de não voltar a ver os outros, que ficaram.
sim é uma grande verdade, na vida: há coisas que temos de ultrapassar. mas isto, vai ser difícil. com toda a certeza,
Vai ser mesmo muito duro e difícil de aceitar. Sei que vou acabar por me entregar à realidade, mas vai custar MUITO. Eu nunca irei ter amizades tão fortes como as deles e nunca os irei esquecer... Nunca mesmo!
Marcaram-me e isso irá permanecer para a vida.
Eu amo-vos e esse sentimento é do mais verdadeiro que senti por amigos.

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Um Diploma para todos os meus meninos...

Para a turma!

Meus tesouros:
já há poucas turmas como a vossa! Muitas das palavras "duras" que disse, como a Rita lhes chamou, foi para vos chamar à razão...porque me apercebi da falta de encanto, que estavam a sentir nas aulas, que normalmente vos davam prazer, mas nem por um momento deixei de gostar de todos, absolutamente de todos, pois são verdadeiramente fantásticos!
Sei que também sou mesmo especial para vocês, senti-o muitas vezes, nos trabalhos que realizaram, nos teatros, que me encantavam e, sobretudo, naquilo que escreveram ontem, numa folha de papel! Mostrar aquilo que sentimos, torna-se mais fácil, quando escrevemos, por isso, saiu do vosso coração, o maior presente, que me poderiam dar: o vosso Amor sincero.
Vou guardar todas aquelas folhas de papel e, quando me sentir triste ou sozinha, vou ler aquilo que disseram, para sentir que afinal valho muito e sou importante para alguém.
Meus queridos, nunca se esqueçam de mim e continuem a dar notícias, mesmo que seja só através deste Blog, que espero continuem a fazer crescer.
Nunca se esqueçam que todos na turma, TODOS, me marcaram de forma positiva e inesquecível!
Como esquecer a minha melhor escritora? A tela da Cláudia e a da Joana? O PowerPoint que a Joana me dedicou? As conversas íntimas com a Ana Sara, a meiguice da Mariana, a minha fabulosa contadora de histórias, todos os momentos lindos com a Margarida Costa, excelente actriz, aluna...amiga...O André, sempre tão verdadeiro...A doçura do Martim, com quem falei como se fala com um filho...Aliás, ele é o filho que gostaria de ter...Nenhum de vocês sairá do meu coração! Ontem, vi um Tiago especial, que tem um coração lindo, por detrás da brincadeira e que animava as nossas aulas. Como esquecer o Sidónio? Aluno aplicado e mais educado, não há! Como esquecer os esforços do Pedro, para "salvar o ano"... a Karen, menina de todos os talentos, aquela menina especial, que acalmava os outros, que é sábia de valores e sentimentos...Como esquecer alguém desta turma? É impossível, porque sei que também serei inesquecível para todos...Com a vossa turma, senti o privilégio de ser professora, de ver bons resultados, de ser mais que uma professora, porque me deixaram fazer parte das vossas vidas.
O que escreveram ontem, mostra que faço parte da vossa vida...Não vou esquecer nenhuma dessas palavras, nenhum de vocês...ADORO-VOS a...TODOS!
Obrigada, Rita Bernardo pela alegria contagiante, pelo carinho...Obrigada Andreia, porque cresceste muito, de todas as maneiras...Tu e a Rita Carmo são as filhas, que todos sonham ter!
Obrigada, Sara por saberes dizer que gostas de mim, de mil maneiras, Inês, linda boneca...Belinha irreverente, mas meiga ao mesmo tempo...Jessica, menina triste, de coração puro...Raquel, por teres feito o esforço de mudar, pelos teus miminhos...Ao Ângelo, que sabe tudo, aquilo que ensinei...Ao Gerson, pelos poemas e pelo trabalho de última hora! À Margarida Ramos, outra menina tão doce, tão querida...Obrigada, a todos.
Sabem... o meu segredoé... É gostar tanto de vocês. BEIJOOOOOOOOOOOSSS:
Vossa para sempre, Stôra Isabel.

segunda-feira, 14 de junho de 2010

Desafio à turma e visitantes :D















Mesmo sem se perceber muito bem, tenta ver além do mal entendido.
A questão é : o que te vem à cabeça ao ver esta imagem ?
Deixa lá um comentário a explicar o que compreendes.

sexta-feira, 11 de junho de 2010

Lenda de Lisboa!

Ora conta a lenda que a costa que hoje é a de Lisboa, tinha um estranho nome: Ofiusa - que quer dizer "Terra de Serpentes". As serpentes tinham a sua rainha. Uma rainha muito estranha, metade mulher, metade serpente...senhora de um olhar feiticeiro, e de uma voz muito meiga.
Às vezes, esta estranha rainha subia ao alto de um monte e gritava ao vento, só para que pudesse ouvir a sua própria voz:
"Este é o meu reino! Só eu governo aqui, mais ninguém! Nenhum ser humano se atreverá a pôr aqui os pés: ai de quem ousar! Pois as minhas serpentes, não o deixarão respirar um minuto sequer!".
De facto, durante muito tempo, ser humano nenhum se aventurou a desembarcar nesta costa que ela pensava que estaria amaldiçoada pelos deuses e também pelos homens.
Porém um dia, vindo de muito longe, um herói lendário chamado Ulisses, famoso pelas suas aventuras guerreiras, atracou na cidade.
Ficou deslumbrado com as belezas naturais que viu e ao desembarcar subiu a um monte, e com a sua máscula voz, gritou ao vento:
"Aqui edificarei a cidade mais bela do Universo! E dar-lhe-ei o meu próprio nome: será a Ulisseia, capital do Mundo!"
E a sua profecia concretizou-se... e hoje, embora não tenha o nome dado pelo herói mitológico grego `` Ulisseia ´´ é uma das mais belas cidades do Mundo, e chama-se LISBOA.

Karen e Rita apresentam...

TURMA (L) A SAUDADE JÁ É A MAIOR!

Neste momento, só penso em vocês. e ao mesmo tempo é um pensamento que permite sentir tristeza e dor e muita alegria.
Vocês são o mesmo que uma família de verdade. O facto de não se conseguir explicar o quanto são importantes na minha vida; a grande verdade é que por mais que, às vezes, sejam uns chatos e aqueles parvalhões, são os meus e as minhas colegas de turma, e isso tem um enorme significado...
Ainda me lembro do primeiro dia de aulas, estávamos todos assustados, não nos
conhecíamos, mas a pouco e pouco, fomo- nos habituando a ser uma turma e a conviver uns com os outros.
Não se pode dizer que até hoje seja fácil, mas mesmo assim é bom, muito bom mesmo ter a vossa companhia.
Este ano, crescemos e estamos bastante diferentes. Será pelo facto de termos novos colegas?
Será por ser da adolescência, como dizem alguns? Porque será? Com a nossa capacidade de pensar, nem nós próprios sabemos o porquê. Somos uma turma tão unida! Já fomos a melhor da escola e voltar a esses tempos, iria ser muito bom. Mesmo tendo os nossos altos e baixos, o que mais desejo neste momento, é voltar atrás e viver tudo outra vez com vocês. Penso que é o que muitos querem e pensam agora que tudo está a desabar e vai mudar muito em breve. A minha tristeza é tanta, que mesmo antes do tempo, já tive, nos últimos dias,momentos a chorar e com lágrimas nos olhos, acreditem. Não consigo encaixar na cabeça que tudo irá mudar, que dentro de algum tempo, vou deixar de ter os mesmos amigos , as mesmas companhias, os mesmos momentos em turma, as pessoas com quem eu cresci a maior parte deste tempo que passou. Agora no final, o que mais desejo é que o tempo não fosse tão rápido!
Vocês, MINHA TURMA, vocês, professoras e professores, tornaram-me no que sou hoje, ajudaram-me a ultrapassar os obstáculos e, em cada momento, difícil ou de felicidade, estiveram lá, ao meu lado.
Esta turma, foi a experiência e a convivência mais extraordinária e perfeita que tive em toda a minha vida.
Bem pessoal, vocês são mais do que importantes. simplesmente , preciso de todos, mesmo os certos rapazes parvinhos&idiotas com brincadeiras parvas , seja nas aulas , seja nos intervalos. Sim, eu preciso da minha turma. Sim, tudo vai mudar.
Sim, nos certos tempos que estão pra vir, tudo vai ser difícil de ultrapassar e sim, com toda a certeza, vão chegar muitos e muitos dias e momentos de lágrimas derramadas. Pode ser mais uma dramatização de adolescente, mas é uma pura sensação de saudade, que vou sentir e já a sinto, por todos. Nem mesmo nestas insignificantes mas sinceras palavras, consigo
dizer o que neste momento quero demonstrar e dizer a todos, porque é mesmo difícil conseguir deitar isto para fora.
Só mesmo pela escrita, consigo expressar-me de alguma forma, mesmo que não seja a suficiente. "Fogo", eu nem quero imaginar no quanto vai ser difícil de ultrapassar e conseguir deixar-vos, para trás. Mesmo que estejamos juntos no 7º ano, não irá ser a mesma coisa, porquê? Porque nem todos irão estar presentes para completar esta turma, que é tão grande, tão forte, tão unida e tão ÚNICA.
A vocês só tenho a agradecer, à professora\ directora de turma, Ana Paula Filipe, só tenho a agradecer, à professora Isabel Preto, só tenho a agradecer e ao resto de todos os professores, só tenho a agradecer.
TURMA, PROFESSORES E GRANDE FAMÍLIA, esquecer pessoas como vocês, com uma influência de uma certa forma muito boa, é impossível.
São e serão sempre as pessoas mais marcantes na minha vida, porque com vocês eu tenho UMA VIDA, que vai continuar, mesmo que nem todos presentes, mesmo uma parte da turma estando afastada, nós somos uma só turma, que não irá ser substituída por nenhuma outra...
Somos pessoas GRANDES, que ao longo da nossa vida, vamos crescer felizes e muito bem influenciados, por em 2 anos, termos tido esta convivência entre colegas de turma e professores e professoras. Se houvesse a possibilidade de voltar atrás eu corria qualquer risco, para a conseguir, porque o meu maior desejo, é voltar a ter e a repetir tudo de novo, para viver aqueles momentos juntos, os nossos intervalos, todas as nossas brincadeiras e principalmente toda a nossa companhia
Por vocês, eu fazia e faço TUDO, mas mesmo TUDO, para que sejam felizes e bem sucedidos. Eu só quero que fiquem a saber, que eu sou sensível, mesmo muito sensível, como já deu para ver, e que a minha MAIOR SAUDADE vai ser de vocês.
MINHA 2ª FAMÍLIA, DIZER QUE GOSTO MUITO DE VOCÊS? É POUCO. EU AMO-VOS E MUITO . OBRIGADO!